imagem do corona vírus
Se apresentar sintomas leves de gripe como: tosse, coriza, dor de cabeça, ligue: 0800 647 5225

GIRO EMPREENDEDORMais de 8 mil pequenos e microempreendedores já foram beneficiados

17/Nov/2022 - 08:34

Público feminino representa a maior parte dos cadastros no programa da Prefeitura de Porto Velho

Todas as peças são produzidas artesanalmenteNos últimos dois anos, a pandemia afetou o mercado de trabalho, exigindo inovação, mudanças de rota e reorganização de planos. As mulheres sentiram esse impacto e muitas enxergaram no empreendedorismo um caminho de autonomia e uma possibilidade de renda.

Para fomentar a economia e atender a essa demanda, a Secretaria Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho (Semdestur) criou, em agosto de 2021, o programa Giro Empreendedor, dando oportunidade principalmente para o público feminino.

Valdirene Pinheiro Duarte Holanda, hoje conhecida como Val Bijuterias, é uma entre centenas de mulheres que viram o próprio negócio crescer após as atividades do programa. Através do Giro, Val participa de feiras em espaços públicos da cidade, a exemplo da feirinha do Conjunto 22 de Dezembro, onde ela apresenta e vende as peças produzidas de forma artesanal.

“Eu já produzo acessórios desde os meus 11 anos, sempre gostei, quando via nas lojas me inspirava e fui criando e então quando veio a pandemia, fiquei desempregada e aí resolvi voltar a fazer isso. Eu amo o que faço e o Giro me deu uma oportunidade de expandir meu trabalho, de levar pra novas pessoas conhecerem e também para inspirar outros empreendedores mostrando que todos são capazes, é uma renda extra, e é gratificante”, conta a empreendedora que já formalizou a microempresa através de uma MEI.

Valdirene produz os acessórios desde os 11 anos de idadeVal conta que além dos benefícios terapêuticos que a confecção de bijuterias proporciona, a renda das vendas também tem transformado a vida dela. Com os lucros já obtidos ela conseguiu custear exames de saúde na rede particular para continuar trabalhando, empreendendo e sonhando.

“O retorno vem, hoje a pessoa pode até não comprar, mas ela conhece, gosta e na próxima ela leva. Depois das feiras os pedidos aumentaram, eu faço entregas, tenho a loja online, tudo isso é resultado do apoio da Prefeitura. Eu já tenho a minha microempresa, faço minhas compras com o dinheirinho da minha feira, é um começo. E assim eu vou expandindo, já foi colar meu para Itália, para fora do Brasil, então a oportunidade é muito grande”, comentou.

Entusiasta do empreendedorismo feminino, a secretária da Semdestur, Glayce Bezerra, afirma que o propósito da pasta é expandir ainda mais o programa que já é consolidado dentro das ações da Prefeitura.

“Temos avançado com o Programa Giro Empreendedor que tem feito a diferença e transformado a vida de mais de 8.700 pequenos e microempreendedores, a maioria mulheres. Parabéns para nós mulheres, que conseguimos administrar tantas funções ao mesmo tempo, como a casa, família, filhos e trabalho, que esse espírito empreendedor nos permita ser donas do nosso próprio destino”, finalizou celebrando a passagem do dia mundial do Empreendedorismo Feminino, comemorado no dia 19 de novembro.

Texto: Renata Beccária
Fotos: Felipe Ribeiro

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)


logotipo da prefeitura de porto velho logotipo da prefeitura de porto velho